quarta-feira, 5 de junho de 2019

MBISC: 20 ANOS


MBISC: 20 ANOS - 1999/2019

O Museu do Brinquedo da Ilha de Santa Catarina (MBISC) foi criado em setembro de 1999, através do Núcleo Infância Comunicação e Arte (NICA) sob o patrocínio de pesquisa do Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE), “Representação da Infância no Período Moderno”, aprovada e patrocinada pelo CNPq e também sob orientação da UFSC, no Museu Universitário Prof. Osvaldo de Mello Cabral.

A partir de 2017 o Museu do Brinquedo passa a ser um serviço da Biblioteca Universitária, vinculado ao Setor de Coleções Especiais (Portaria nº 781 /2017/GR, de 30 de março de 2017)

Objetivo:
Possibilitar um espaço pedagógico e uma experiência de vivência cultural significativa.

Público alvo:
Comunidade universitária e comunidade em geral.

Quando acontece:
Exposição permanente.

Onde acontece:
Piso superior da Biblioteca Central da UFSC (Campus Universitário, Trindade, Florianópolis/SC)

Mais informações:
Museu do Brinquedo da Ilha de Santa Catarina
E-mail geral museudobrinquedodailhadesc@gmail.com
Profa. Dra. Telma A. Piacentini
Criadora e responsável geral pelo MBISC
telma.anita@gmail.com

Marcação de visitas orientadas
Joana Carla Felicio
joana.felicio@ufsc.br
(48) 3721-2465
Bibliotecária responsável pela guarda e monitoramento do acervo parcial disponível na BU/UFSC

Museu como resultado de um tempo da infância...


Atualmente uma parte de acervo do Museu do Brinquedo pode ser vista na Biblioteca Universitária/UFSC, com uma exposição permanente e também como possibilidades de exposições temporárias.
A criação de uma ala virtual com o blog  e o perfil no Facebook , junto à ala ecológica a ser construída no Parque Ecológico do Córrego Grande, Florianópolis, contribui para consolidar a ideia de um Museu de Brinquedo que ultrapassa fronteiras.  
“Guardar brinquedos num lugar público de fácil acesso, além de abrir o mundo infantil aos olhos da criança e adultos através de espaços estrategicamente montados para sua apreciação e criados para uma vivência cultural significativa é, no mínimo, uma resposta de valorização do mundo infantil e de respeito ao mundo adulto que, através de diferentes vias, é resultado de um tempo de infância” (Telma Anita Piacentini)

Fonte: NICA/UFSC

MBISC no X Seminário de Educação Ambiental - cultura indígena: o olhar dos povos indígenas sobre o processo educativo”.


No dia 03 de junho de 2019, o Museu do Brinquedo da Ilha de Santa Catarina (MBISC), representado por Telma Piacentini, coordenadora e Tainá Mesquita, bolsista; esteve presente no “X Seminário de Educação Ambiental - cultura indígena: o olhar dos povos indígenas sobre o processo educativo”.
O seminário contou com a presença dos Xokleng, Kaingang e Guarani dividindo sua cultura no que tange à educação e ao meio ambiente. Uma experiência enriquecedora que se refere aos assuntos que estamos trabalhando em nossa pesquisa “Um itinerário de magia nas brincadeiras infantis indígenas em Santa Catarina”.
Foto: Luca Gebara/Agência AL